Home COMICS A “carta de amor” de Ed Piskor aos X-Men chega ao Brasil. Conheça X-Men Grand Design

A “carta de amor” de Ed Piskor aos X-Men chega ao Brasil. Conheça X-Men Grand Design

by Igor Duarte

Bom, vamos falar de algo que sempre causa confusão ao leitor de quadrinhos: cronologia. Existem histórias com cronologia fechada, outras com alguma confusão na linha do tempo e existe a famosa cronologia dos X-Men que deve ser tratada como um caso à parte.

As histórias dos mutantes começaram a ser escritas na década de 60, e nesses mais de 50 anos não faltaram eventos, sagas, crossovers, entrada e saída de personagens, mortes e as famosas e temidas viagens no tempo.

Os X-Men são uma equipe que já revisitaram o passado, avançaram para o futuro algumas (muitas) vezes,  e isso é um ponto que desanima muitas pessoas que querem começar a  ter contato com os títulos de uma das equipes mais famosas dos quadrinhos. Para um leitor que está começando, a cronologia dos X-Men é algo muito complicado, é difícil até indicar uma fase para que ele possa começar a ler sem ter que se preocupar muito com o que já aconteceu.

Mas em 2017 isso começou a mudar quando o escritor Ed Piskor (Hip Hop Genealogia) lançou o que ele chamou de sua “carta de amor e sonho” aos X-Men. ‘X-Men Grand Design’ veio para tentar colocar em ordem os acontecimentos que mais marcaram os mutantes nessas mais de cinco décadas de histórias. Ed Piskor desde criança era um fã dos X-Men, inclusive a edição #1 de Grand Design publicada recentemente no Brasil, traz imagens do jovem Ed com seus bonecos e primeiros desenhos da equipe.

Imagem: Panini Comics

Mas voltando para a parte principal de Grand Design: a história. No total foram publicadas seis edições do quadrinho, que estão sendo publicadas no Brasil pela Panini em 3 encadernados contendo duas edições cada, além de mais uma história clássica dos X-Men recolorida com o estilo próprio de Ed Piskor. A primeira história dos X-Men que foi publicada em 1963 é a que acompanha os acontecimentos de Grand Design no primeiro volume.

Em X-Men Grand Design a história dos mutantes nos é apresentada pelo Vigia, que do espaço começa a contar o que viu acontecer na Terra, desde a aparição de Namor em Nova York quando ele deixou a cidade inundada por dias até o primeiro contato de Capitão América e Logan com o jovem Magnus ainda nos campos de concentração, muito antes dele se tornar o poderoso Magneto.

Imagem: Marvel Comics

O quadrinho também nos mostra um pouco da história dos pais de Charles Xavier e como ele desenvolveu seus poderes e chegou até a criação da escola para jovens mutantes. E claro que também vemos a formação da primeira equipe dos X-Men, que era formada pelos primeiros alunos de Charles: Jean Grey, Scott Summers, Henry McCoy, Bob Drake e Warren Worthington III.

Outros personagens importantes da memória dos X-Men como Cain Marko, os Shi’ar, Moira MacTaggert, Gabrielle Haller e a Força Fênix não poderiam ficar de fora. A Fênix que por sinal é uma entidade super poderosa e que está ligada à história dos mutantes, já que usou a jovem Jean Grey como sua hospedeira.

X-Men Grand Design pode té parecer meio “corrido” para alguns leitores, já que os arcos das histórias são resolvidos rapidamente em alguns quadros, mas ao mesmo tempo em que “corre” para poder resolver as situações, Piskor coloca todos esses acontecimentos em uma ordem cronológica facilitando o entendimento de todos esses anos confusos para os leitores. Se você adora quadrinhos e tem um carinho pelos mutantes, essa edição não pode faltar em sua coleção.

Ah, e não podemos esquecer também que um ponto forte do quadrinho é a sua arte e colorização, que com seu estilo retrô é capaz de nos levar à uma imersão maior para a época em que se passam as histórias.

Related News

Leave a Comment

Esse website utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Se você estiver Ok com isso, por favor clique em aceitar. Aceitar