Home COMICS DC cria uma Comic Con para chamar de sua. Conheça a DC Fandome!

DC cria uma Comic Con para chamar de sua. Conheça a DC Fandome!

by Igor Duarte

Depois do anúncio oficial do cancelamento da edição presencial de 50 anos da San Diego Comic Con (SDCC), devido à pandemia causada pelo corona vírus, os fãs da cultura pop ficaram desapontados, já que o evento é a grande vitrine onde os estúdios costumam revelar seus trailers, elencos, conteúdos exclusivos e muito mais sobre os seus projetos futuros, sejam eles do cinema, TV, quadrinhos, etc. Vale lembrar que embora a edição física da SDCC tenha sido cancelada, a organização do evento anunciou a ‘Comic Con at Home’, um evento gratuito, também virtual que acontece entre os dias 22 e 26 de julho.

Mas os fãs da DC podem ficar despreocupados. A Warner anunciou oficialmente o DC Fandome, a própria convenção virtual da DC que irá acontecer em 22 de agosto à partir das 14h (horário de Brasília). Um evento gratuito, global (inclusive com legendas em português do Brasil!!) e com duração de 24h. No DC Fandome teremos anúncios de todas as áreas em que a DC atua: cinema, TV, quadrinhos e games.

O DC Fandome contará com um “salão central”, o Hall of Heroes, onde acontecerá a programação principal com painéis e muito mais. Dentre os projetos confirmados e que veremos novidades estão The Batman, Mulher-Maravilha, Shazam, Aquaman, The Flash (filme e série), o ‘Snydercut’ de Liga da Justiça, Adão Negro, Esquadrão Suicida (que contará com a presença do diretor James Gunn e do elenco), entre outros.

Imagem: Divulgação

Além do Hall of Heroes, a DC criou mais cinco “mundos” que terão  programação variada, são eles:

WatchVerse: como explicado pela DC, será o local onde você “pega o seu lugar, se senta e se junta à plateia virtual para assistir horas de conteúdos exclusivos que vão desde painéis à cenas exclusivas, com participação de elenco, criadores e equipe de bastidores”.

DC YouVerse: um mundo onde os FÃS são as estrelas e cujo o conteúdo será criado pelos usuários, incluindo cosplay e “fan arts”.

DC KidsVerse: como o próprio nome diz, é o mundo com atividades family-friendly para os mais jovens se entreterem.

DC InsiderVerse: será o mundo baseado na criatividade e contará com um vídeo com a participação do lendário Jim Lee, Walter Hamada e Greg Berlanti recepcionando os fãs e os apresentando ao multiverso. Além disso você terá a oportunidade de conhecer os bastidores, os artistas que dão vida à DC em todas as formas,desde  quadrinhos, filmes, séries, passando pelos parques temáticos e produtos.

DC FunVerse: uma área onde você poderá reunir compartilháveis, conferir um leitor de quadrinhos, fazer você mesmo uma armadura dourada de Mulher-Maravilha 84 e kits de Batmóveis, além de brindes digitais e lojas de produtos incluindo alguns exclusivos.

Imagem: Divulgação

Um evento global, mas não para os brasileiros? Entenda.

O DC Fandome, uma “Comic Con” própria da DC terá painéis, anúncios e novidades sobre os projetos da DC no cinema, TV, games, quadrinhos e mais. Além disso, o evento irá contar com concursos nos quais cosplayers e ilustradores ao redor do mundo poderão participar e concorrer a prêmios de até U$2.000 dólares, além de terem seus trabalhos usados nas campanhas de marketing da DC.

E é aqui que os brasileiros entram na história. No regulamento do concurso uma das regras era de que brasileiros ou residentes no Brasil não poderiam participar, juntamente com residentes em outros países como Cuba, Irã, Coreia do Norte, Sudão, Síria e Crimeia. Rapidamente questões foram levantadas do porquê o Brasil teria ficado de fora.

Em uma primeira versão do regulamento dizia apenas que “países com embargo pelos EUA não seriam elegíveis” , mas isso não ficou muito claro, com as pessoas se perguntando se o embargo teria relação com a pandemia do COVID-19.

Mas em seguida a DC atualizou o regulamento do concurso deixando mais claro que a restrição ao Brasil se deu devido à lei brasileira que trata de concursos e premiações, mais precisamente a Lei nº 5.768 de 20 de dezembro de 1971, que estabelece algumas regras para tais processos no país.

Mas nem tudo está perdido

Em nota enviada ao site B9, a assessoria da Warnermedia confirmou que a restrição “não está vinculada à possíveis bloqueios realizados durante a pandemia” e que “ainda está sendo analisada a possibilidade da inclusão do Brasil no concurso”.

Related News

Leave a Comment

Esse website utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Se você estiver Ok com isso, por favor clique em aceitar. Aceitar